5 razões pelas quais sua igreja deve se envolver em missões agora

5 razões pelas quais sua igreja deve se envolver em missões agora

Baixe esse estudo em PDF

Quero iniciar este artigo com um pequeno dado. Atualmente existem cerca de 7 bilhões de pessoas no mundo. Estudantes de Missiologia estimam que cerca de 3 bilhões dessas pessoas têm pouquíssimo ou nenhum acesso a mensagem do evangelho.

Isso significa que bilhões de pessoas estão nascendo, passando pela vida, sem ouvir a vez sequer as boas novas do Evangelho de Jesus Cristo. Como cristãos, não podemos aceitar essa realidade de modo algum, a Igreja não pode ficar inerte a tal situação.

Tendo estes dados em mente, gostaria de compartilhar 5 maneiras que sua igreja, independentemente do tamanho, localização ou situação poderá fazer  para se envolver no projeto missionário de Deus para todo o mundo. Senão vejamos:

Síria-1034467_960_720

1. Ensine a Palavra de Deus para o seu povo, informando-os como devem portar-se no mundo.

George Pentecost certa vez escreveu: “O pastor tem o privilégio e também a responsabilidade do problema missionário”. Pentecost afirmou que toda denominação de poderia (e deveria) desenvolver  métodos, ações evangelísticas, e levantar ofertas para a causa missionária no mundo, mas é de responsabilidade e o privilégio dos pastores sentir o peso das nações e clamando por socorro e sentir a chama acessa do desejo de Deus na evangelização mundial e esse sentimento deverá ser transmitido em cada igreja local.

Em todos os 66 livros da Bíblia, Deus mostra a sua paixão por todas as nações da terra, por isso disse a Abraão que através dele, todas as nações seriamais abençoadas.

Nós, os pastores e lideres, temos a obrigação de ensinar a Palavra de Deus para o seu povo e levá-los a entender que o coração de Deus para as nações salta das páginas das Escrituras.

Então, ao estudar a Palavra de Deus, o pregador deve certificar-se de aplicá-la à luz das necessidades espirituais e físicas urgentes que nos cercam no mundo moderno.

Estamos rodeados por pessoas perdidas de diversas partes do mundo a de diferentes nações e culturas, e eles precisam saber acerca da esperança de que só pode ser encontrada em Jesus Cristo.

Os Pastores e líderes da igreja, devem ajudar o seu povo a ver o coração de Deus para o mundo em sua Palavra e anuncie o Evangelho com poder e autoridade.

2. Comprometer-se à oração e jejum.

Como a igreja de Antioquia orou e jejuou, Deus separou Saulo e Barnabé para levar as boas novas do evangelho aos gentios (Atos 13: 1-3). Para muitas igrejas locais, oração e jejum para este propósito é algo suplementar. Mas no Novo Testamento, oração e jejum para tal propósito foram fundamentais para que o evangelho fosse levado até o  mundo gentio de então.

Hoje, através da oração corporativa, as igrejas locais podem ter um papel ativo na tarefa Grande Comissão.

Pela graça de Deus, ofertas voluntárias de igrejas locais, diversas agências missionárias tem se levantado no mundo para levar o Evangelho de Cristo.

Projetos como JOCUM, SEPAL, entre outros foram desenvolvidos para auxiliar e acompanhar igrejas a levar a mensagem e interceder em favor dos povos não alcançados e lugares ao redor do mundo.

A intercessão é o meio pelo qual nós nos juntamos na atividade diária de Deus na vida de outras pessoas, e isso inclui as pessoas em nossos bairros e povos ao redor do mundo que nunca se pode reunir.

Através da oração, Deus permite que as igrejas locais se unam a eles na obra de reconciliação que ele está fazendo agora entre os muçulmanos, hindus, budistas, e as pessoas de todas as religiões em todo o mundo.

Oração e jejum são uma forma vital que as igrejas locais podem ser envolvidos na missão de Deus entre as nações.

3. Oferte na causa missionária.

Uma das maneiras mais práticas para as igrejas locais a se envolverem em missão global é através da doação sacrificial.

Deus tem abençoado muitas igrejas locais com recursos financeiros que tem ofertado sabiamente, ajudando a missionários a fazerem discípulos através da plantação de igrejas em todo o mundo.

Independentemente do tamanho da igreja ou a composição socio-economica da congregação, cada corpo local pode estar envolvido no avanço do evangelho através da doação sacrificial de recursos financeiros.

No NT, há exemplos de igrejas locais que contribuiram para apoiar as igrejas locais em diferentes localizações geográficas (Rm 15: 25-28), bem como as igrejas locais dando para fora da sua pobreza e sacrifício para além dos seus meios para apoiar avanço do evangelho (2 Coríntios . 8: 1-4).

Hoje, as igrejas locais podem usar os seus recursos financeiros para apoiar organizações missionárias centradas no evangelho. Eles também podem dar mais especificamente para atender às necessidades dos irmãos e irmãs perseguidos ou para abastecer fazer discípulos e plantação de igrejas, projetos entre os povos não alcançados.Missões globais

Esta lista de causas nobres relacionadas com a missão global é interminável.

Doação sacrificial a missão global permite que toda a igreja possa estar envolvida. Crianças, jovens, adultos e idosos podem contribuir em conjunto para a propagação do evangelho até os confins da terra.

4. Trabalhar duro para cuidar, servir e ser uma bênção para missionários transculturais.

Deus equipou exclusivamente as igrejas locais para cuidar e estender hospitalidade aos missionários. Independentemente de estarem ou não a sua igreja local ou se você enviou um missionário, você é capaz de prestar cuidados, apoio e encorajamento para os missionários transculturais.

Faça Parte do maior clube de teologia do Brasil, inscreva-se agora

Algumas das maneiras práticas em que as igrejas locais podem melhores cuidar e apoiar missionários são:

  • Comprometa-se com a comunicação regular (e-mail, telefone, mensagens de texto, Skype, etc.).
  • Envio e presentes e cuidados
  • Ajudando com folgas e atribuições (proporcionar habitação, veículo, telefone celular, ajudar com a escolaridade, puericultura, e oferecendo tempo focado afastado para descanso e retiro)
  • Permitindo-lhes a oportunidade de informar e compartilhar em um ambiente corporativo, quando eles retornam a visita
  • Ouvindo-os e demonstrando seu interesse e comprometimento com seu trabalho

A vida no campo missionário pode ser um desafio, cansativo e difícil. No meio do stress e as lutas, muitos missionários muitas vezes se sentem desconectados e esquecidos por sua igreja de origem.

Portanto, uma das maneiras mais práticas que as igrejas locais podem se envolver na missão global é, trabalhando duro para cuidar, servir e ser uma bênção para os missionários transculturais.

5. Forme e envie discípulos qualificados ao campo missionário

Talvez a maneira mais óbvia de que as igrejas locais podem se envolver na missão global é através do envio de discípulos para se envolver diretamente na obra Grande Comissão.

Em nível local, o que inclui liberando as pessoas para fora em sua cidade para Ministrar para os vizinhos perdidos, colegas de trabalho e familiares. Crentes nãoirão fazer no exterior o que não fazem em casa, de modo que o ponto de partida para a missão deve ser as comunidades locais.

Então, como homens e mulheres estão fazendo discípulos onde vivem, emitir um convite periódico para algumas pessoas a deixar a sua comunidade local para ir para as nações.

Sob a direção do Espírito de Deus, isso vai levar a sua igreja o envio de pessoas a curto, médio e longo prazo para proclamar o evangelho, fazer discípulos, e os esforços de plantação de igrejas entre os povos não alcançados e em lugares não alcançados.

A igreja local é o meio que Deus vai usar para a propagação do evangelho até os confins da terra.

Em um mundo cheio de milhares de milhões de pessoas perdidas, muitos dos quais nunca ouviram o evangelho, é inaceitável para a missão global a ser relegado para um programa simplista na igreja para algumas poucas pessoas.

Certamente Deus está chamando toda a sua igreja para ser envolvida em formas estratégicas no sentido de tornar a sua glória conhecida entre as nações.

A nossa oração e o desejo é que mais e mais pastores possam ter o privilégio e a responsabilidade qie Deus deu às igrejas locais em sua missão global.

Soli De o Glória.

Texto extraído e adaptado do site 9marks

Traduzido por Pr. Altemar Oliveira

 Faça Parte do maior clube de teologia do Brasil, inscreva-se agora

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.


*