Judas Iscariotes foi predestinado ao inferno?

Artigo escrito originalmente por Elias Soares de Moraes

divulga

Com todo respeito, segue uma Kryptonita para os nossos amigos calvinistas.

QUEM DISSE QUE JUDAS ISCARIOTES FOI PREDESTINADO AO INFERNO?

18 RAZÕES PORQUE JUDAS ISCARIOTES NÃO ERA UM PREDESTINADO AO INFERNO

Se Deus, como afirmam os calvinistas, decretou a salvação de alguns, segue-se que, também, ele decretou a perdição ou a condenação dos demais. Logo, pelo menos em tese, temos a “DUPLA PREDESTINAÇÃO”, tão carente de bases bíblicas.

Um dos maiores exemplos usados pelos calvinistas para tentar provar a eleição incondicional ou a predestinação ao inferno é o de Judas Iscariotes, o qual, com base na passagem de Jo 17.12, afirmam veementemente que foi predestinado ao inferno.

Mas o que a Bíblia diz a esse respeito?

“Estando eu com eles no mundo, guardava-os em teu nome. Tenho guardado aqueles que tu me deste, e nenhum deles se perdeu, senão o filho da perdição, para que a Escritura se cumprisse”. Esta é uma citação do Sl 69.25 e 109.8.

A pergunta é: Esta passagem bíblica realmente está falando da predestinação de Judas Iscariotes ao inferno como querem os calvinistas? Será que temos base bíblica suficiente para afirmarmos que Judas foi predestinado ao fogo do inferno? Isso é o que veremos.Judas foi predestinado ao inferno

Para contrapor o argumento falacioso de que Judas Iscariotes era um predestinado ao inferno, eu quero apresentar:

18 RAZÕES PORQUE JUDAS ISCARIOTES NÃO FOI PREDESTINADO AO INFERNO.

1 – JUDAS ERA AMIGO ÍNTIMO DE JESUS (SL 41.9)

Judas, no dia da ceia, recebeu o bocado molhado, bocado esse que era oferecido apenas ao amigo mais íntimo. Ao comentar o Sl 41.9, Allan Harman, dá a seguinte explicação para a expressão “Amigo íntimo”: “Um amigo de minha paz”, isto é, com quem mantenho a mais estreita relação de amizade” (Harman, Allan – Salmos, pg 190, Ed. Cultura Cristã).

2 – JUDAS ERA O HOMEM DA MAIOR CONFIANÇA DE JESUS (SL 41.9).

Judas era o amigo mais íntimo em quem Jesus mais confiava. Quem era o tesoureiro?

3 – JUDAS, ASSIM COMO OS DEMAIS APÓSTOLOS, FOI ESCOLHIDO POR JESUS. (12-16).

Judas não se auto promoveu como apóstolo. Jesus o escolheu, assim como fez com os outros apóstolos, após ter passado a noite em oração a Deus. (Lc 6.12).

Para fazer parte do colégio apostólico de Jesus, antes de tudo, o candidato precisa ser salvo. Como Jesus iria comissionar um perdido para levar a salvação aos pecadores? (Mt 10;Lc 9). Logo, entendemos que Judas era salvo.

4 – LUCAS DIZ QUE JUDAS SE TORNOU TRAIDOR (lc 6.16)

Ora, se Judas se tornou traidor, de acordo com o Evangelista Lucas, essa é mais uma prova de que ele não era um predestinado ao inferno. Pois ele não era um traidor, mas se tornou. Uma coisa é você ser e, outra bem diferente é você se tornar. (NT Interlinear, Waldir Carvalho Luz)

5) – JUDAS ISCARIOTES ERA SALVO, MAS SE PERDEU (At 1.25).

A palavra grega para se perdeu é: parabe, de parabaino, e significa: “desviar, transgredir”. Ora, só se desvia quem um dia esteve na fé. O verbo, por si só, mostra claramente que Judas se perdeu na caminhada e não oferece nenhum apoio para a sua predestinação ao inferno.

6 – A BÍBLIA DIZ QUE SATANÁS ENTROU EM JUDAS E NÃO QUE HABITAVA NELE (Jo 13.27)
7) – JUDAS RECEBEU A PALAVRA DE JESUS (Jo 13.8)
8) – JUDAS RECEBEU A PALAVRA DE DEUS (Jo 17.8)
9) – JUDAS HAVIA GUARDADO A PALAVRA DE DEUS (Jo 17.6).
10) – JUDAS CREU EM JESUS (Jo 17.8).

Vale notar que a fé é a conditio sine quanon para a salvação. Judas creu em Jesus, assim como os demais apóstolos também creram. Pelo menos é isso que o texto diz. Logo, ele era salvo por Jesus (Jo 3.16; Rm 10.9,10; Ef 2.8).

11) – JUDAS ERA GUARDADO POR JESUS (Jo 17.12)

Veja que mesmo sendo guardado por Jesus, Judas Iscariotes se desviou, se perdeu. No que depender de Jesus, continuaremos salvos. Mas, é possível alguém se desviar e se perder exercendo o seu livre arbítrio. É justamente isso que Judas fez. Ele se desviou.

12) – O FATO DA BÍBLIA PREVER QUE HAVERIA UM TRAIDOR, NÃO SIGNIFICA QUE TERIA QUE SER JUDAS (Sl 69.Jo 17.12), E NEM MESMO QUE ELE ERA UM PREDESTINADO AO INFERNO.

Deus, na sua presciência, já sabia que seria ele, mas em momento algum a Bíblia diz que Judas estava predestinado ao inferno.

13) – A EXPRESSÃO FILHO DA PERDIÇÃO, NÃO SIGNIFICA PREDESTINADO AO INFERNO.

judas-iscariotesApenas duas pessoas na Bíblia recebem esse título: “Filho da Perdição”. Esse tipo de expressão, é típico do pensamento judaico. Trata-se de um semitismo ou hebraísmo, onde a pessoa é designada pelo modo em que está vivendo. Judas, apesar de ser um salvo, escolhido, como já vimos e veremos mais a seguir, a partir do momento que ele engendrou no seu coração roubar o dinheiro que era lançado na bolsa e acalentou o propósito de trair Jesus, ele se perdeu, se desviou (At 1.25) e, por essa razão, o título “filho da perdição” passou a ser bastante apropriado para ele. Pois não um só texto, em toda Bíblia, descrevendo-o como alguém que foi predestinado ao inferno.

14) – A BÍBLIA DIZ QUE JUDAS FOI DADO A JESUS PELO PAI (Jo 17.6-9,11,12).

Seis vezes, no evangelho segundo João, Jesus se refere aos doze como aqueles que o Pai lhes deu. Vejamos:

Em Jo 17.6 – duas vezes;
Em Jo 17.9 – uma vez;
Em Jo 17.11 – uma vez;
Em Jo 17.12 – uma vez e
Em Jo 17.24 – uma vez

Em cinco das seis passagens Judas também é descrito como aquele que foi dado pelo Pai.
em Jo 6.37, textos muito usados pelos calvinistas para advogar a eleição incondicional está escrito:

“Tudo o que o Pai me DÁ virá a mim; e o que vem a mim de maneira nenhuma o lançarei fora” (Jo 6.37).

Judas Iscariotes, como vimos, foi dado a Jesus pelo Pai e Jesus disse: “Tenho guardado aqueles que tu me deste e nenhum deles se perdeu, a não ser o filho da perdição. Mais uma vez Jesus reitera o que Pedro disse em At 1.25 que Judas “se perdeu”. Logo, Judas não foi predestinado ao inferno, mas se perdeu. Mais uma vez eu digo: JUDAS FOI DADO PELO PAI, mas mesmo assim SE PERDEU. Duas coisas ficam provadas aqui,

a) a queda é possível,

b) Judas não era um predestinado ao inferno.

15) – JESUS AFIRMOU QUE OS DOZE PERTENCIAM AO PAI (Jo 17.6,9)

Por duas vezes Jesus disse que os doze pertenciam ao Pai. Uma vez ele disse: “Eram teus” (Jo 17.6) e outra vez disse: “São teus” (Jo 17.9). Vale salientar que, em ambas as passagens, Judas Iscariotes está incluído.

Portanto, ao contrário do que tem sido dito pelos calvinistas, o texto, em momento algum afirma que Judas Iscariotes era um réprobo, condenado ou predestinado ao inferno, pelo contrário, ele afirma categoricamente: “Eram teus e são teus”, e Judas, como vimos, ERA UM DOS TAIS.

16 – JESUS PROMETEU A VIDA ETERNA AOS APÓSTOLOS E JUDAS ESTAVA INCLUÍDO NESSA LISTA. CONFIRA.

(Mt 19.25-28). Ser salvo é uma coisa, continuar salvo é outra bem diferente. (Ap 3.11; Hb 6.4-8). A salvação é pela graça, e, nós a recebemos quando cremos, em Cristo, ao exercer o nosso livre arbítrio que também é fruto da graça de Deus que nos alcançou desde o Éden. Da mesma sorte que exercemos o livre arbítrio para a salvação (Ap 22.17), podemos exercê-lo para a nossa perdição (Gn 4.7; Dt 30.19; Js 24.14-16; Mt 23.37-39; Hb 6.4-8; 10.26-31; Lc 6.16; At 1.25; Ap 3.11, 20).

17 – NÃO HÁ NENHUM SÓ TEXTO NA BÍBLIA QUE AFIRME CLARAMENTE QUE JUDAS ERA UM PREDESTINADO AO INFERNO.
18) AO CHAMAR, ESCOLHER, SEPARAR PARA O APOSTOLADO, DAR PODER E AUTORIDADE E DIZER QUE ELE FOI DADO PELO PAI JESUS NÃO ESTAVA BRINCANDO COM JUDAS ISCARIOTES.

Queremos deixar registrado que não temos dúvidas quanto ao destino de Judas Iscariotes, mas o que está em questão não é o seu destino, mas se esse destino havia sido predestinado por Deus. Bom, pelo menos, até o momento, isso não está provado.

Elias Soares de Moraes

Saiba Como Defender a Fé Cristã Contra as Heresias que Tem Assolado Muitas Igrejas nos dias de Hoje, clique aqui

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.


*